2012/13 SLB Seniores Juniores Juvenis Iniciados Infantis Escolares Benjamins Bambis Iniciação
hoqueiSLB
As noticias
Os resultados
A agenda

CAMPEÃO NACIONAL
2011/12

SENIORES
JUNIORES

Gonçalo Vilela
Gonçalo Mauricio Ruivo Gorgulho Vilela
Nascido a 22 de Fevereiro de 1992 (25 anos)
Carreira
2012/13AD OeirasSeniores
2011/12AD OeirasJuniores
2010/11CD Paço de ArcosJuniores
2009/10CD Paço de ArcosJuniores
2007/08SL BenficaJuvenis
2006/07SL BenficaIniciados
2005/06CD Paço de ArcosIniciados
2004/05CD Paço de ArcosInfantis A
2003/04CD Paço de ArcosInfantis A
Fotografias (3)
Comentários

Utilizador não autenticado. Use a sua conta do Facebook para poder comentar.
Sem necessidade adicional de registo. Mais fácil, mais rápido.

Entrar via Facebook

Armando Gorgulho2014-11-13, 13h12
2013/14 GDS CASCAIS 2014/15 GDS CASCAIS
Francisco Silva2014-02-10, 14h43
Grande jogador fui colega de equipa no Seixal fc quando fomos campeões regionais e na seleção distrital de Setubal sou o tita o guarda redes guardo com saudades esses tempos força e que continues a fazer um bom trabalho abraços
Armando Gorgulho2012-11-23, 17h33
Gonçalo Vilela: 1996 - 4 anos - GD Fabril do Barreiro (ex-GD Quimigal e ex GD CUF) 1998 a 2000 - 6 aos 8 anos - Seixal FC - Infantil C / Infantil B Foi Campeão Regional em Infantis B e 3º Classificado no Encontro Nacional. 2000/01 - Paço de Arcos - Infantil B 2001/02 - Paço de Arcos - Infantil B 2002/03 - Paço de Arcos - Infantil A (Inscrito na FPP como B)- Final 4 Nacional - 4º classificado
Para o André

Por este André e por todos os Andrés...
Sugestões

Hóquei de Primeira
quarta-feira, 5 Abr
quarta-feira, 5 Abr
Cacau (37)
Marco Gatinho (26)
Bruno Caetano (16)
Lucas Carvalho (15)
Utilizador não autenticado | Entrar via Facebook
Para o mais entusiasmante dos jogadores. No dia em que fazes dois anos ninguém pode dizer se tens jeito, se vais ser o novo Livramento ou o novo Diogo Rafael, se vais deslumbrar com picadinhas, assistências letais ou golos de levantar pavilhões. Ou se vais escrever, dirigir, gerir ou seja lá o que for... Mas a paixão ninguém te tira. E a paixão é tudo. Obrigado Zé Pedro! (O pai, 25 de Janeiro de 2012)